Proclo e a demonstração da existência dos entes matemáticos

proclus imagem

A filosofia platônica é extremamente rica em analogias matemáticas que sempre impressionaram quase todos aqueles que a estudam. Um filósofo famoso que não ficou muito impressionado com tudo isso foi Aristóteles. Sua aversão à matemática da filosofia de Platão foi transportada para sua obra Metafísica. É bem conhecida sua recusa a admitir a existência dos Entes Matemáticos intermediários. Aristóteles, e seu discípulo medieval São Tomás de Aquino, não conseguem conceber a matemática como sendo independente da matéria.

Na fantástica narrativa da Criação que é o diálogo Timeu, a matemática ocupa um lugar central. Ora, são os Entes Matemáticos que vão fazer a mediação entre o Uno e a multiplicidade da Criação. Segundo Giovanni Reale1, a tarefa da matemática é fazer o Inteligível entrar no sensível, e permitir aquilo que é indivisível, eterno e incorruptível, poder gerar o que é múltiplo e corruptível. Ora, Reale afirma que esses Entes Matemáticos são “muitos semelhantes ingênitos e eternos”.2

A filosofia do neoplatônico Proclo demonstra a ingenuidade da posição aristotélica e seu extremo realismo. Para Proclo, não devemos confundir figuras físicas e números com a própria matemática. Da mesma forma que Timeu já havia ensinando a Sócrates, Proclo também reafirma a bondade da Criação, pois o Bem faz parte da Hyparxis de Deus. A Criação dos deuses é boa, porque é feita com harmonia -e ela é matemática. Platão, segundo Proclo3, afirmava a existência de três meios que são a aritmética, a geometria e a harmônica, e que essas três vão transformar-se em números, massas e poderes. Proclo afirma que Pitágoras foi quem descobriu a existência dos Entes Matemáticos4. O próprio Proclo ensina que a matemática e sua firmeza não são adequadas às razões da natureza. A Criação do Demiurgo une todas as coisas pela harmonia e isso vai ser demonstrado por ele. Nas palavras do próprio Proclo existe essa complexa explicação:

“Vamos dizer que o hábito que existe nos objetos materiais, a forma material e os poderes dos elementos do meio são laços. Todos eles, entretanto, possuem relação com coisas sem as quais o primeiro laço não é participado e são análogos ao meio que representam os Entes Matemáticos.”

Mais adiante, Proclo define melhor o processo de ligação entre a bondade do Uno e as criaturas geradas por Ele. Essa explicação é pura analogia, explica ele:

“Os laços que existem são triplos: os poderes dos elementos são um laço. A causa dos corpos são outra; e a terceira está no meio das duas e procede das causas do corpo, mas emprega os poderes que são divididos naquele corpo.”5

A explicação que Proclo vai dar é teológica e foi retirada dos Oráculos Caldeus:

“Porque quando Seu poder sobre o todo se espalhou,

Um poderoso e forte laço, uma corrente de ouro,

Suspendeu-se do Éter.”( Orfeu, Fragmento 121)

Essa é a magnífica imagem criada para representar os Entes matemáticos que fazem essa ligação do Uno até os seres desse mundo. Proclo afirma que “os números físicos são formas materiais divididas no sujeito; a massa é a extensão dessas formas e a harmonia é o que une as formas e a massa em um corpo.”6

Aqui nesse artigo fiz uma pequena explicação sobre a existência desses Entes Matemáticos que tanta riqueza trazem à filosofia platônica. Aristóteles, sempre com sua irreversível tendência a imanentizar tudo, não conseguiu compreender esse conceito de Platão. Mais uma vez o pensamento metafísico demonstra verdades extraordinárias sobre nosso mundo, e ajuda a revelar a bondade da Criação Divina através de imagens ricas e belas.

Referências:

1 Para uma nova interpretação de Platão, pág 522.

2 Ibid

3 The Commentary of Proclus on the Timaeus of Plato, pág 403.

4  Proclo, pág 405.

5 Proclo, pág 406

6 Ibid

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: