Resenha: Ordem e Progresso, de Gilberto Freyre

Ordem-e-Progresso

Com cerca de 1000 páginas, Ordem e Progresso, de Gilberto Freyre, é uma obra com tamanho e qualidade suficientes para situar o leitor dentro do Brasil do final do Império e início da República. Temos a série que começa com Casa Grande & Senzala, depois segue com Sobrados e Mucambos, tendo Ordem e Progresso como conclusão, já que Jazigos e Covas Rasas não chegou a ser escrito pelo grande sociólogo brasileiro. [Read more…]

Resenha: Casa-Grande & Senzala, de Gilberto Freyre

Freyre Casa-Grande

O maior clássico da Sociologia brasileira, e um dos grandes livros dessa ciência em nível mundial, Casa-Grande & Senzala é uma obra surpreendente e esclarecedora sobre a formação do povo brasileiro- com todas as qualidades e seus vícios-, e foi importantíssima para consagrar a importância do indígena- e principalmente do negro- no desenvolvimento racial e cultural do Brasil, que é um dos mais complexos do mundo. [Read more…]

Resenha: Sociologia, de Gilberto Freyre

LivroSociologia

Sociologia é um livro escrito por Gilberto Freyre que funciona como uma introdução a essa ciência e também ao pensamento do próprio autor. Freyre descreve todo o alcance e as limitações da Sociologia em uma linguagem muito clara e com diversas citações de outros sociólogos brasileiros e estrangeiros que ajudaram a compor o mosaico de seu próprio pensamento. Pelo que lemos no livro, a Sociologia como compreendida pelo autor pernambucano envolve um grande número de outras ciências que ajudam a formá-la, como a Antropologia, a Economia, a Biologia, a História e a própria Filosofia. Grandes temas que já haviam aparecido na obra mais famosa de Freyre Casa Grande e Senzala podem ser vistos em Sociologia, como a grande ênfase na defesa do valor da mistura racial brasileira, da cultura do negro e do indígena. Freyre tenta de todas as formas evitar que a Sociologia que ele propõe fique restrita como uma forma de amparo a doutrinas mais amplas e limitadoras do pensamento como o Marxismo e o Evolucionismo Darwinista. Não que ele desconheça a importância de Marx e Darwin para a Sociologia, que recebeu uma nova dimensão especialmente a partir de Karl Marx; apenas acha que muitos sociólogos estudados e mencionados por ele nesse livro deixaram-se levar a um perigoso determinismo. [Read more…]